MUITO IMPORTANTE:

Não sou médico nem profissional de saúde. Neste texto, relato apenas a minha experiência bem sucedida ao usar o chá da casca de romã, cravo e canela em pau, para fortalecer o sistema imunológico. O chá é muito eficaz para combater sinusite, gripes, dor de garganta e faz parte da cultura popular há muito tempo. Porém, recomendo às pessoas que sempre conversem sobre o assunto com médicos e nutricionistas.

Depois de lutar e ficar curado de um câncer linfático comecei a pesquisar e a testar alimentos e produtos naturais para fortalecer a minha imunidade.

Na pesquisa, descobri os muitos benefícios da romã, do cravo e da canela. Testei os três em sinergia, ou seja, avaliei os efeitos combinados dos seus princípios ativos juntos. O resultado surpreendeu, porque os benefícios foram muito além do que eu esperava. Por isso, compartilho a experiência.

O coronavírus, como tem sido divulgado, se instala mesmo em organismos saudáveis e com o sistema imunológico forte. Todavia, é melhor ter a imunidade elevada do que ser contaminado quando o nosso corpo está enfraquecido.

Creio que o chá de casca de romã com cravo e canela serve para diminuir os efeitos ruins da contaminação pelos seguintes motivos:

1. Sobre os benefícios da romã:

No caso da casca de romã, um dos maiores benefícios no combate às infecções de garganta, sinusite e tosse com secreção é o efeito de reduzir o muco, as secreções, o catarro existente no corpo.

A ação de reduzir secreções chama-se “adstringente”, porque causa na boca a sensação de que está sendo apertado o seu interior.

A substância adstringente, portanto, causa constrição, encolhimento e estreitamento dos tecidos. Assim, reduz as secreções. A banana não madura e o caqui são adstringentes.

Sobre os demais benefícios da romã, inclusive sobre o potente suco da fruta, acesse o link https://otemplodosguerreiros.com/2014/05/18/a-abencoada-roma/

2. Sobre os benefícios do cravo da índia:

No caso do combate ao coronavírus, o cravo da índia tem o efeito antiviral, além de vários outros benefícios que podem ser encontrados no link https://otemplodosguerreiros.com/2014/06/08/acerte-sempre-com-o-cravo-da-india/

Não é preciso nem comentar que o cravo da índia irá ajudar a destruir o coronavírus. Porém, sozinho, é reduzido o efeito dessa incrível especiaria tão usada na antiguidade. É preciso combinar, fazer a sinergia com a casca de romã e a canela.

3. Sobre os benefícios da canela:

A canela a ser usada no chá é em pau, e também é uma das especiarias, que assim como o cravo, Portugal comprava da Índia. Os benefícios da canela chegam a 44, como pode ser visto no link                                                                                    https://hortascaseiras.com/os-44-beneficios-comprovados-para-saude-da-canela/

Os benefícios da canela no combate ao coronavírus são muitos, mas os que nos interessam são:

a) Antissecretório, isto é, irá ajudar a casca da romã a suprimir a secreção que fica acumulada nos seios da face e do pulmão.

b) Anti-inflamatória, diminuirá ou acabará com inflamações no organismo.

c) Diminui a pressão arterial. Por isso, é excelente para pessoas hipertensas, que estão no grupo de risco.

d) Reduz os níveis de açúcar no sangue: outro grupo de risco é o dos diabéticos. A canela irá ajudar a manter os níveis normais de glicose

4. Como fazer o chá

Para um copo e meio (copo americano, também chamado de lagoinha) de água:

a) Pegue uma casca de romã, corte um quadrado de mais ou menos três centímetros e depois corte esse pequeno pedaço em muitos pedaços pequenos, o menor que puder, porque assim o efeito adstringente fica maior.

b) Separe de seis a dez cravos da índia e corte-os ao meio, para liberar o eugenol, princípio ativo do cravo.

c) Pegue quatro pedaços de canela em pau, de dois a três centímetros cada.

d) Numa leiteira, coloque os ingredientes e leve ao fogo brando. Deixe ferver. Após o início da fervura, aguarde dois minutos. Depois, desligue o fogo, tampe a leiteira por cinco minutos para fazer a infusão e liberar todos os princípios ativos das substâncias.

e) Coe a casca, o cravo e a canela sempre em coador de metal. O coador de plástico não pode ser usado com líquidos quentes, porque libera bisfenol A, substância cancerígena do plástico, liberada ou em altas temperaturas ou no frio da geladeira.

f) Se conseguir comer os pedaços da romã usados no chá, e muito amargos, os benefícios serão maiores.

Repita o chá todos os dias, o qual pode ser tomado de manhã e à noite, ou somente à noite, por volta das 20 horas. O sabor não é ruim, mas, caso não agrade o seu paladar, use açúcar ou adoçante com moderação.

No dia seguinte, o chá começará a eliminar as secreções que a pessoa tiver. Por isso, deixe lenços ao alcance das mãos. Depois de mais ou menos cinco dias, não haverá mais secreções, a tosse desaparecerá e as dores de garganta desaparecerão.

Na minha experiência e na de muitas pessoas, os resultados positivos começam a surgir a partir do terceiro dia. Vale a pena insistir no uso do chá, pois sempre tem resultados benéficos.